Projeto de Lei do deputado Hermeto retira restrições de horário e local de funcionamento para entidades de tiro desportivo no DF

A medida visa contrapor Decreto Federal que criou restrição de distanciamento das entidades de tiro desportivo de outras instituições de ensino e estabeleceu horário de funcionamento
 

O deputado distrital Hermeto (MDB), protocolou o Projeto de Lei nº 743/2023 que “dispõe sobre o ordenamento territorial e horário de funcionamento de entidades de tiro desportivo no Distrito Federal”. A proposta de Hermeto é que estes estabelecimentos comerciais voltem a funcionar sem restrição de horário, nem limitações territoriais.

O Projeto, protocolado na Câmara Legislativa nesta quarta-feira (8), foi desenvolvido para contrapor o Decreto Federal n. 11.615/23, I, que criou restrição de distanciamento das entidades de tiro desportivo em relação a outros estabelecimentos de ensino, além de fixar horário de funcionamento entre seis horas e vinte e duas horas para estes estabelecimentos.

Hermeto justifica a proposta destacando que os clubes de tiro são espaços completamente fechados, sem acesso visual interno a partir do exterior e dotados de equipamentos de segurança, aprovados pelo Exército Brasileiro. O parlamentar afirma ainda que não existem dados mínimos, estatísticas ou justificativas concretas para tais restrições.

“Essas restrições impostas, dificultam o acesso ao esporte, que deve ser preservado, como qualquer outro esporte. Além de o próprio STF considerar uma ofensa ao princípio da Livre Concorrência tais restrições territoriais”, afirma o autor do projeto, deputado Hermeto.

A afirmação de Hermeto se baseia na Súmula Vinculante n.49 do STF que decide que “ofende o princípio da livre concorrência lei municipal que impede a instalação de estabelecimentos comerciais do mesmo ramo em determinada área”.

O projeto agora segue para votação nas comissões permanentes da Câmara Legislativa.

Artigo anteriorCLDF inclui marcha contra o aborto no Calendário de Eventos do DF
Próximo artigoÚltimos dias para o recadastramento na lista de espera por vaga em creche